Pages

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Prefeitura de Tuntum compra livros para os alunos da rede municipal


Foram comprados cerca de 9.000(nove mil) livros de Educação Infantil, Artes e Ensino Religioso para os alunos de Educação infantil e de 1º ao 5º anos da rede municipal de ensino público de Tuntum.  É uma aquisição com os recursos do FUNDEB. 

Vale ressaltar que os livros adquiridos não foram contemplados pelo PNLD (Programa Nacional de Livro Didático), ou seja, não foram enviados pelo Governo Federal, portanto, sendo adquiridos com recursos do FUNDEB através da Prefeitura Municipal de Tuntum.
.
Com certeza,  esta é mais uma aquisição de material escolar que vai contribuir de forma significativa para a aprendizagem e o desenvolvimento dos alunos, visto que,  o material escolar e em especial os livros  são fundamentais para o acompanhamento dos conteúdos que são planejados para os alunos durante o ano letivo.

Os livros estão sendo distribuídos nas escolas municipais como mostra as fotos abaixo.




Mensagem de Páscoa de Cleomar Tema


Mensagem de Páscoa de Ciro Ricardo


Mensagem de Páscoa de Antonio dos Reis


Mensagem de Páscoa de Alan Noleto


Mensagem de Páscoa do Editor do Bate Tuntum


Simplício Araújo protocola novo pedido de intervenção federal no Maranhão


O deputado federal Simplício Araújo (Solidariedade/MA) protocolou, nesta quarta-feira (16), novo pedido de intervenção federal na segurança pública do Maranhão. No ano passado, o parlamentar já havia solicitado que o Ministério da Justiça procedesse com a intervenção. Para o parlamentar, a má gestão do governo estadual aliada à complacência do governo federal agravou a situação em Pedrinhas.

“Volto a solicitar providências, por parte do governo federal, para solucionar uma crise que se estende desde o ano passado no sistema de segurança pública do Maranhão. O sistema prisional brasileiro está todo à beira de um colapso, mas a situação no Maranhão é ainda mais grave por causa da má gestão do governo Roseana Sarney”, afirmou.

Ao todo já são dez o número de presos mortos no sistema prisional do Maranhão em 2014. Segundo dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), 60 detentos foram assassinados em Pedrinhas em 2013.

Simplício afirmou, também, que o governo do estado não tem cumprido, de forma vergonhosa e inescrupulosa, o acordo que fez com policiais miliares e bombeiros do estado. “Não sei mais o que é preciso acontecer no Maranhão para que exista uma intervenção federal. Há facções criminosas que têm o controle interno e ultrapassam os muros dos presídio fazendo articulações, promovendo rebeliões e colocando em risco a vida da população. Isso precisa acabar.”

Assessoria de Imprensa

Pai de preso decapitado em Pedrinhas é morto a tiros no MA


Domingos Coelho, pai de Dyego, um dos detentos decapitados no presídio de Pedrinhas
JULIANA COISSI
Folha DE SÃO PAULO

Pai de um dos presos decapitados no complexo penitenciário de Pedrinhas, no Maranhão, um vendedor de frutas foi morto a tiros nesta terça-feira (15). A polícia trabalha com a hipótese de haver relação entre o assassinato e o crime no maior conjunto de presídios do Estado.

Domingos Pereira Coelho, 58, foi morto às 18h30 no bairro São Francisco. Segundo a Delegacia de Homicídios de São Luís, ele trabalhava em sua banca de frutas na avenida Colares Moreira quando dois motociclistas passaram já atirando contra ele. Os suspeitos usavam capacete e fugiram em seguida.

Coelho é pai de Dyego Michael Mendes Coelho, 21, que morreu decapitado durante rebelião no dia 17 de dezembro no CDP (Centro de Detenção Provisória) de Pedrinhas. 

Semanas depois, Coelho conversou com a Folha em São Luís e relatou a dor de perder o filho de forma cruel. "Eu não desejo para nenhum bicho o que meu filho passou. Nem para os próprios presos que o mataram." 

Segundo o delegado Jeffrey de Paula Furtado, uma das suspeitas do motivo do crime é que o vendedor de frutas possa feito alguma denúncia contra um detento em relação à morte do filho no presídio. 

Os autores dos disparos, de acordo com o delegado, podem ser egressos de Pedrinhas. 

Uma equipe da Divisão de Homicídios está no local para ouvir testemunhas e recolher pistas.

Caminhonete, sem freio, provoca colisão na rua Vitorino Freire

Do Blog do Lobão - Tuntum

Fotos Batetuntum
Uma caminhonete, modelo D-20, de placas BNW 5664, de Tuntum, conduzida por Josivan Silva (32), morador do bairro Campo Velho, colidiu agora pouco, por volta das 9h, numa motocicleta, modelo Titan, que estava estacionada em uma calçada e depois bateu parcialmente em um estabelecimento comercial, na rua Senador Vitorino Freire, próximo ao supermercado Pelé.
Segundo Josivan Silva a caminhonete já estava sendo levada a oficina para regular o sistema de freios que estava falhando e ao manobrar da rua Frederico Coelho para a Senador Vitorino Freire o freio falhou completamente tornando inevitável a colisão.
 Ele disse ainda que preferiu subir com o veículo em cima da calçada, onde estava a motocicleta, do que bater em algumas pessoas que transitavam pela rua no momento. "Preferi bater na moto e na parede do que bater em umas pessoas que passavam", afirmou.
O acidente chamou a atenção de muitos curiosos que passavam pelo local deixando a rua praticamente interditada por alguns minutos. A motocicleta que ficou em baixo da caminhonete é de propriedade do funcionário da empresa Aluvidro, conhecido pelo nome de Joel. Ninguém saiu ferido. 

terça-feira, 15 de abril de 2014

Pré-Escolar Escadinha do Saber realiza culminância de Projeto de Leitura

Aconteceu no início da tarde desta quarta-feira(15) no Pré-Escolar Escadinha do Saber na Vila Cearense em Tuntum a culminância do Projeto "O Prazer da Leitura se Ensina"  e a inauguração do "Cantinho do Saber", um espaço para aprendizagem através de materiais reciclados.
Sob a direção de Lucinilde Carvalho e com o apoio de coordenadores, professores, funcionários,  mães  e alunos da pré-escola a culminância do projeto "O Prazer da Leitura se Ensina" foi um momento recheado de emoções com a apresentação de crianças, dramatizando e atualizando a leitura da história de Chapeuzinho Vermelho sob a orientação de professoras envolvidas no projeto.
Além de várias mães estiveram presentes ao Pré-Escolar Escadinha do Saber, diretores de escolas, a diretora de Ensino da SEMED Francisca de Carvalho, representando o Secretário Municipal de Educação, Coordenadores da Secretaria Municipal de Educação Antonio dos Reis  e o Presidente do CME-Tuntum Prof. Emerson Araújo. 

Só a intervenção federal resolverá crise em Pedrinhas, garante Simplício Araújo

Foto: Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
O deputado federal Simplício Araújo (Solidariedade/MA) afirmou, nesta terça-feira (15), que a crise no sistema penitenciário maranhense só será resolvida quando o governo federal resolver intervir no estado. A declaração foi feita após a Secretaria Estadual de Segurança Pública ter confirmado a morte do terceiro detendo em apenas três dias.

O detento André Valber Costa Mendes, de 25 anos, foi encontrado morto, nessa segunda-feira (14), em uma cela do Centro de Detenção Provisória (CDP), unidade do Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

André havia chegado na manhã de ontem ao pavilhão Delta CDP para cumprir pena de 26 anos por assalto. Às 22h30 de segunda-feira, o detento foi enforcado por outros presos. Entre a tarde do último sábado e a de domingo, duas mortes já haviam ocorrido na Central de Custódia de Presos de Justiça de Pedrinhas.

“A Sejap (Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária), solicitou a prorrogação do estado de emergência. O estado de emergência serviria para, com dispensa de licitação, construir dez novos presídios no interior e um na capital, para atenuar a crise que começou com motins e rebeliões. Porém, mais uma vez, como vem acontecendo há muitos anos, o governo estadual apenas promete. Na prática nada muda. Nada é feito. É um governo de promessas e pouca efetividade. Tiveram 180 dias para construir pelo menos um presídio e não fizeram e nem vão fazer porque a segurança pública não é prioridade, assim como não é prioridade educação, saúde e nada que melhore a vida do maranhense”, afirmou o parlamentar.

Em outubro de 2013, o governo do estado decretou estado de emergência prometendo iniciar em dez dias a construção das unidades prisionais que iriam amenizar a crise carcerária. A promessa era a de que, ao fim do prazo de 180 dias estipulado pelo estado de emergência, as penitenciárias estariam prontas e inauguradas. Em janeiro, o governo do Maranhão firmou compromisso para implementar onze medidas organizadas pelo Comitê Gestor de Ações Integradas para a resolução da crise no sistema penitenciário.

Sem nenhuma unidade prisional concluída, a Sejap solicitou no dia 21 de março ao governo do estado que estendesse por mais 180 dias o prazo para a reformulação do sistema carcerário maranhense. Mantido o déficit de 2. 554 vagas nas prisões e delegacias do estado, as fugas, motins e assassinatos continuam acontecendo nas unidades, especialmente em Pedrinhas, presídio considerado o mais violento do país.

De acordo com os dados do Conselho Nacional de Justiça, já passa de 60 o número de detentos assassinados em Pedrinhas desde 2013. Homens da Força Nacional, do Batalhão de Choque da Polícia Militar e do Grupo Especial de Operações Prisionais ainda exercem o papel de agentes penitenciários no presídio

Com informações do site Maranhão da Gente

Grupo de petistas declara apoio a Flávio Dino, candidato anti-Sarney no Maranhão

Documento aprovado no encontro afirma que “o controle político dos Sarney impede que o Maranhão usufrua da República e dos ganhos dos governos Lula e Dilma”
Por Redação/Revista Fórum

Petistas de todo o estado encontraram-se em São Luís, na sede do Boi Pirilampo, na Cohab, neste domingo (13). O Encontro Estadual do PT em Apoio a Flávio Dino e Dilma Rousseff virou o “Dia da Dignidade Petista”, segundo o professor Chico Gonçalves, presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func). Eri Castro, do PT de Pinheiro, afirmou que o movimento representa uma “piracema petista”, pois o partido volta a beber na fonte em que surgiu, de oposição à família Sarney.
fdino
Em seu discurso, Flávio Dino reforçou sua ligação com o partido: “O PT foi minha universidade”
O documento aprovado no encontro diz que “o controle político dos Sarney impede que o Maranhão usufrua da República e dos ganhos dos governos Lula e Dilma”. E afirma que a eleição deste ano no Maranhão tem “caráter humanitário, em defesa da vida e da cidadania”
“Se o Brasil melhorou de condições de vida pelas ações dos governos Lula e Dilma, também é verdade que PT tem uma dívida com o Maranhão”, afirmou Terezinha Fernandes, ex-deputada federal pela sigla.
Em seu discurso, Flávio Dino reforçou sua ligação com o partido. “O PT foi minha universidade”, disse ele, que se filiou ao partido em 1986. Ele afirmou ainda que o “projeto de poder mais antigo do PT, no Acre, só derrotou oligarquia com amplas alianças”, e prometeu fazer o mesmo, buscando um arco amplo para derrotar a mais antiga oligarquia do país.
Estiveram presentes ao encontro o líder camponês Manoel da Conceição, além de ex-petistas como o deputado federal Domingos Dutra e o estadual Bira do Pindaré.

Sobe para sete o número de presos mortos no Complexo de Pedrinhas

Complexo penitenciário de Pedrinhas (Foto: Reprodução/TV Mirante)
Sete presos já morreram em 2014 no Complexo Penitenciário de Pedrinhas (Foto: Reprodução/TV Mirante)
Corpo de detento foi achado enforcado na segunda-feira (14) em São Luís. Secretaria pediu prorrogação de situação de emergência no Maranhão.

Um preso identificado como André Valber Mendes, de 26 anos, foi encontrado enforcado na noite de segunda-feira (14) no Pavilhão Delta do Centro de Detenção Provisória (CDP) do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís. Com mais essa morte no local, a terceira desde sábado (12), sobe para sete o número de óbitos na penitenciária este ano. Em todo o Maranhão, já são dez detentos mortos em 2014.

A Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) pediu a prorrogação do prazo da situação de emergência no sistema carcerário do estado. Segundo a secretaria, apesar das medidas tomadas nos últimos seis meses, vários problemas ainda precisam ser solucionados.
Nesse fim de semana, o detento Wesley Sousa Pereira, de 23 anos, foi encontrado morto no Presídio São Luís I, e de João Altair Oliveira Silva, 18, na Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ), ambas unidades prisionais do Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

No dia 21 de março a Sejap solicitou ao governo do Estado que estendesse por mais 180 dias o prazo para a reformulação do sistema carcerário maranhense. O Estado decretou a situação de emergência no sistema prisional em outubro do ano passado, diante de uma crise que começou com motins e rebeliões, se agravando com as violentas mortes dentro dos presídios.

Motim Mortes

Outras mortes em 2014 foram registradas no Centro de Ressocialização de Presos de Santa Inês, na Central de Custódia Preso de Justiça (CCPJ) do Anil e em uma cela do Presídio Jorge Vieira, no município de Timon. De acordo com os dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), já passa de 60 o número de detentos assassinados em Pedrinhas desde o início de 2013.

Detentos iniciaram um motim, na última sexta-feira (11), na Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ), no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Segundo informações da Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária do Maranhão, os presos não gostaram de uma revista feita por homens da Força Nacional, do Batalhão de Choque da Polícia Militar e do Grupo Especial de Operações Prisionais do sistema penitenciário.

Diretor de Pedrinhas exonerado

Após a fuga de 10 detentos do Presídio São Luís II, no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, o diretor da unidade, Valdir Dias, foi exonerado do cargo na sexta-feira (4). A informação foi confirmada pela Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap).

A fuga ocorreu na noite do dia 3 de abril, quando os detentos, aproveitando uma permissão para lavar o pátio de banho de sol, serraram a grade instalada no teto e fugiram com o uso de uma "tereza" (corda artesanal).

Crise no presídio

Após violentas rebeliões no final de 2013, integrantes da Comissão de Direitos Humanos do Senado visitaram o Complexo Penitenciário no mês de janeiro. A presidente da comissão, senadora Ana Rita (PT-ES), apresentou no dia 14 de março um relatório da visita, que defendeu a realização de concursos para defensores públicos no estado a fim de atenuar um dos principais problemas constatados durante a diligência: a superlotação e o convívio de presos provisórios com detentos já condenados.

O déficit de vagas nas unidades prisionais e nas delegacias do Maranhão, segundo dados apresentados no relatório, é de 2.554 vagas; 70% dos funcionários que trabalham com os presos são terceirizados. Além da contratação de mais agentes, a comissão defendeu a realização de mutirões carcerários com auxílio de outros estados.

Para a presidente da comissão, o crime organizado no presídio está "fora do controle" do Estado.

"Há presença de facções criminosas que têm o controle interno e que ultrapassam os muros dos presídio fazendo articulações, promovendo rebeliões e colocando em risco a vida da população", disse. "O Estado realmente precisa ter controle sobre isso. O presídio não pode ficar sob controle de grupos criminosos. O presídio tem que ficar sob controle do Estado", disse.

Medidas

Em entrevista ao G1, a delegada-geral de Polícia Civil, Cristina Resende, disse que os crimes do fim de semana já estão sob apuração da Delegacia de Homicídios de São Luís. "As duas últimas, estamos investigando porque ainda não temos como afirmar se seriam indivíduos de facções diferentes. O indivíduo estava na cela que quis ficar, com a facção à qual pertencia. O de ontem foi retirado e pediu pra voltar. Nos dois últimos crimes, serão indiciados todos os internos das celas onde os presos foram mortos porque há indícios da participação de todos eles. Estamos investigando", contou.

O secretário de Justiça e Administração Penitenciária Sebastião Uchôa admitiu, em entrevista aoG1, que mesmo após a transferência dos líderes das facções, novas lideranças estão comandando os grupos. "O Serviço de Inteligência da Polícia Civil já identificou outros braços dessas facções, que já estão sendo monitoradas. Nos dois últimos casos, suspeitamos de brigas dentro de uma mesma facção, portanto, uma dissidência", disse.

Uchôa acrescentou que prefere aguardar o resultado das investigações para se pronunciar. "A secretaria entende que é um caso de polícia e está sob responsabilidade da Delegacia de Homicídios, que investiga se há ligacões entre os crimes ou se são casos isolados. Preferimos aguardar o resultado das investigações para saber se é, de fato, resultado de briga interna".

Em nota, a Seja informou que a Delegacia de Homicídios está investigando a morte do detento registrada nessa segunda-feira. 

Veja a nota na íntegra

"A Secretaria de Estado da Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) informa que a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Homicídios, já investiga a morte do interno André Walber Mendes, de 26 anos, ocorrida na noite de segunda-feira (14), no Centro de Detenção Provisória (CDP) em Pedrinhas. O detento, que foi encontrado com sinais de enforcamento, cumpria pena pelo crime de assalto."

Do G1 - MA

CRAS-MAC realiza festa de páscoa


O CRAS-MAC localizado na Vila Luisão, em Tuntum, realizou, na manhã desta terça-feira(15), a celebração da páscoa/2014 para as crianças atendidas por este Centro de Referência Social  na cidade.
A festa contou com o apoio do Prefeito Cleomar Tema e da Secretaria Municipal de Assistência Social e primeira-dama de Tuntum Daniella Cunha, além do empenho da direção do CRAS-MAC, Assistentes Sociais, Psicólogos, Educadores, Funcionários e Pais das crianças atendidas.
Dezenas de crianças estiveram presentes  a celebração da páscoa no CRAS-MAC da Vila Luisão em apresentações musicais, teatrais, brincadeiras, reflexões num momento recheado de alegria e congraçamento.

Câmara de Vereadores deve ser produtiva e qualificada

Em todo e qualquer processo eleitoral se devem incentivar a mudança e a tomada de novos rumos para uma considerável melhoria nas instituições políticas de representação popular, principalmente.

Uma Câmara de Vereadores, como organização de poder político,  pode contribuir muito para a reafirmação e execução de várias ações públicas do executivo a favor da maioria da população sem que os seus representantes se encastelem em projetos pessoais e de interesse parco.

As ponderações anteriores nos remetem para o clima que envolve a próxima eleição da mesa diretora da  câmara de vereadores de Tuntum marcada para o dia 14 de maio próximo e os candidatos a presidente postos.

Neste embate é de fundamental importância que os eleitores tuntunenses acompanhem este pleito e o seu desenrolar  com bastante atenção, pois está em jogo algumas particularidades que envolvem a atuação parlamentar no contexto desta casa legislativa.

Parece a todos, que acompanham a trajetória política dos edis tuntunenses,  que a atuação parlamentar de homens e mulheres ali presentes não mudou muito, nestes últimos quarenta anos, ficando a mercês da mesmice da falta de cultura política moderna e propositiva, bem como, a falta de rito e outros procedimentos de gestão para uma câmara de vereadores atuante e com a anuência semanal dos eleitores e da população em geral de Tuntum.

A eleição da mesa da Câmara de Vereadores de Tuntum no dia 14 de maio próximo deve servir, acima de tudo,  para as mudanças de rumo da atuação parlamentar que a sociedade tuntunense tanto reclama dos representantes do legislativo local,  e que posturas e posições egocêntricas atrasadas,  que tanto tem se visto nos últimos anos, possa transformar definitivamente este poder popular em algo produtivo de qualidade  para todos.

Colégio Municipal José Teixeira inaugura sala de recursos multifuncionais

Atendendo as prerrogativas da lei sobre a educação especial/inclusiva, o Colégio Municipal José Teixeira entregou, na tarde de ontem(14),  a sociedade tuntunense a sala de recursos multifuncionais Professora Regina Veloso para atender aos alunos de necessidades especiais do sistema municipal de educação.
A iniciativa  de implantar a sala de recursos multifuncionais no Colégio José Teixeira é pioneira entre as escolas da rede municipal de ensino da zona urbana e veio a atender,  além das demandas dos alunos,  o sonho de especialistas da área  como é o caso das Professoras Rosana Lobo e Wlga Alves defensoras da educação inclusiva no município.
Na solenidade do final da tarde de ontem(14),  no auditório da Câmara de Vereadores de Tuntum, várias autoridades e convidados estiveram presentes,  entre elas,  primeira-dama Daniella Cunha, representando o Prefeito Cleomar Tema, Secretário Municipal de Educação Professor Antonio dos Reis, Presidente do Conselho Municipal de Educação Prof. Emerson Araújo, Coordenadores, Diretores, Professores, pais de alunos e a homenageada Professora Regina Veloso.