Noblat: quem vai parar esse louco do Witzel?

br 247 - O jornalista Ricardo Noblat questionou pelo Twitter neste sábado 21 "quem vai parar esse louco, o governador do Rio?". Wilson Witzel (PSC) tem ordenado que policiais matem homens que estejam segurando fuzis, o que resulta em operações que atiram do helicóptero sobre escolas e a população do Estado.

Neste sábado, foi confirmada a morte de uma menina de 8 anos, Agatha Vitória Felix, após ter sido atingida nas costas por um policial em meio a uma operação. "Inocentes sempre morreram em meio à guerra contra o tráfico, mas nunca um governador estimulou a matança. Nunca autorizou policiais a atirarem de cima de helicópteros em comunidades indefesas. Parem esse louco a qualquer preço", lembrou Noblat.

O colunista do Globo destacou ainda uma frase de Witzel defendendo a morte de quem atira contra a população do Rio, sem sequer notar que ele próprio se enquadra na categoria.

Líder de Bolsonaro no Senado é alvo da PF

Plenário do Senado Federal durante sessão de debates temáticos destinada a debater a reforma da Previdência.\r\rEm discurso, à tribuna, senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).\r\rFoto: Jefferson Rudy/Agência Senado
247 - Reportagem de Camila Mattoso na Folha de S.Paulo informa que a Polícia Federal realiza na manhã desta quinta-feira (19) operação no Congresso, que tem como alvo o líder do governo de Jair Bolsonaro no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE). 

A operação mira também o filho do senador, Fernando Coelho Filho, deputado do DEM de Pernambuco, que foi ministro do governo golpista de Michel Temer. 

e acordo com a publicação, a PF também mira o deputado Fernando Coelho Filho (DEM-PE), filho do senador, que foi ministro do golpista Michel Temer. 

Os mandados de busca e apreensão foram autorizados pelo ministro Luís Roberto Barroso, do STF (Supremo Tribunal Federal). O inquérito apura desvio de dinheiro público de obras na região Nordeste. 

Há outros mandados de busca e apreensão sendo cumpridos, completa a Folha. ​

EVANGÉLICOS E EVANGÉLICAS PROMOVEM EVENTO SOBRE JUSTIÇA E DEMOCRACIA EM SÃO LUÍS


A pauta Justiça e Democracia tem sido avaliada no meio evangélico de forma distinta, o que tem gerado uma expressiva polarização desde as últimas eleições. Para debater esse cenário político, será realizado na capital maranhense o I encontro Fome e Sede de Justiça, promovido pelo Programa Papo de Crente. O evento vai acontecer nos dias 04 e 05 no Hotel Grand São Luís. 

Para Lyndon Santos, um dos idealizadores do evento, o debate trará sérias discussões e reflexões sobre o novo cenário político: “O Brasil, em sua conjuntura política atual vive em um contexto do qual se exige firmes posicionamentos. A fé evangélica tem sido colocada em condições de ser o agente de mudança e transformação ou manipulada para justificar e legitimar ações arbitrárias, de ódio, preconceito, discriminação e intolerância”, afirma.

Líderes religiosos de várias denominações apoiam o evento e se mobilizam como parceiros, como a pastora da Igreja de Confissão Luterana, Franciele Sander: “É uma ótima oportunidade de encontrarmos com pessoas que comungam da mesma fé. Será um espaço de fortalecimento da nossa caminhada em busca de justiça e liberdade pela graça”, declarou.

A programação conta com a presença de três palestrantes nacionais. A jornalista e coordenadora da Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito, Nilza Valéria, o teólogo, militante do movimento negro, escritor e pastor da Nossa Igreja Brasileira, Marco Davi, o sociólogo e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Alexandre Brasil.

O encontro também reúne palestrantes locais, entre eles o biólogo e professor da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Carlos Martinez, a assistente social e militante de Direitos Humanos, Nair Barbosa, o professor e jornalista, Emerson Araújo, a geógrafa e professora do IFMA, Quésia Duarte, o jornalista e escritor, Emilio Azevedo, a jornalista e teóloga, Alynne Sipaúba, além do pastor da Igreja Congregacional em São Luís e professor de história da UFMA, Lyndon Santos, e da pastora da Igreja de Confissão Luterana, Franciele Sander.

O evento será finalizado com “encaminhamentos de ações efetivas e concretas, que tem a finalidade de afirmar que é possível fazer no Maranhão uma real diferença, na direção da fome e sede de justiça como imperativo de Jesus, inspirados pelo seu ensinamento”, ressaltou Lyndon Santos.

Os interessados devem fazer a inscrição no link: https://forms.gle/AAGBAyPvPvakrR6t7 até o dia 1º de outubro, terça-feira. Os participantes terão direito ao certificado com carga horária de 20 horas.

O Papo de Crente na web Rádio (agenciatambor.net.br) é um projeto da Agência Tambor, idealizado em 2018 e iniciado em março deste ano. A finalidade do programa é ser um espaço de reflexão cristã que exercita o respeito, a tolerância, a paz, além de desenvolver o engajamento e testemunho da fé contextualizada nos dramas do cotidiano, ouvindo as diferentes pessoas em suas necessidades e em suas esperanças. 
_________

Local: Grand São Luís Hotel
Data: 04 e 05 de outubro de 2019
Horário: Dia 04 às 19h e dia 05 às 8h
Mais informações:
(98) 98222-2771

Inscrição gratuita no link:
https://forms.gle/AAGBAyPvPvakrR6t7

Página do evento no Facebook:
https://www.facebook.com/events/783498572069104/

Papo de Crente: todos os sábados às 9h / agenciatambor.net.br

Fonte: Assessoria Papo de Crente

Justiça de SP rejeita denúncia contra Lula e Frei Chico: 'inepta e amontoado de suposições'

Frei Chico sobre Lula: “não provarão nada, porque ele não fez nada”
A 7ª Vara Federal Criminal em São Paulo-SP rejeitou a denúncia apresentada pelo Ministério Público Federal (MPF) por meio da Força Tarefa da Lava Jato contra o ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e seu irmão, José Ferreira da Silva, o Frei Chico.

A matéria ainda acrescenta que "para o juiz federal Ali Mazloum, os fatos da denúncia não possuem todos os elementos legais exigidos para a configuração do delito, não havendo pressuposto processual e nem justa causa para a abertura da ação penal. "A denúncia é inepta. Não seria preciso ter aguçado senso de justiça, bastando de um pouco de bom senso para perceber que a acusação está lastreada em interpretações e um amontoado de suposições", diz a decisão do juiz Ali Mazloum."

br 247

Flávio Dino mostra ser voz convergente das esquerdas em entrevista no Canal Livre

Blog do Garrone - O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) foi o entrevistado deste domingo (15) do programa Canal Live (Band). Dino falou da atual crise financeira que a maioria dos Estados brasileiros têm enfrentado, da relação com o presidente Bolsonaro, sobre os desafios locais e as questões nacionais para o problema. Comandada por Rafael Colombo, a bancada contou também com Thais Heredia, Fernando Schüler e Fernando Mitre.

Assista ao programa: