sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Assaltantes maranhenses são mortos em confronto com a polícia no Pará na madrugada desta sexta-feira (26)

A quadrilha estava se preparando para assaltar uma agência bancária em Capitão Poço no Pará

A Polícia Civil do Pará impediu um roubo a banco que seria realizado na madrugada desta sexta-feira (26) em Capitão Poço, região nordeste do Pará.

Segundo a polícia, dois homens que estavam no interior de um carro reagiram a tiros após serem abordados por policiais civis na rodovia PA-124 e morreram em decorrência da intervenção policial. Eles foram identificados pela polícia como Ruandison Carlos Martins Silva e Washington Fernandes Mendes, naturais da cidade de Monção, no Maranhão.

A operação policial foi realizada por policiais civis da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) e do Grupo de Pronto-Emprego (GPE).

De acordo com a polícia, a operação foi realizada após informações de que uma associação criminosa estaria se deslocando do Maranhão com destino à cidade de Garrafão do Norte, no Pará, para explodir caixas eletrônicos em uma agência bancária. 

Diante dos fatos, o delegado seguiu em equipe até a rodovia que dá acesso ao município paraense e montou uma barreira de fiscalização de trânsito à altura do Km 6 da estrada.

A polícia disse ainda que, na madrugada, quando os policiais abordaram o carro, dois homens tentaram fugir em direção à mata, às margens da rodovia e passaram a atirar contra os militares. Na troca de tiros, os dois suspeitos ficaram feridos e foram levados até o hospital municipal de capitão poço, onde não resistiram e morreram.

Os policiais apreenderam dois revólveres de calibres 32 e 38 com munição, além de um vergalhão transformado artesanalmente em pé-de-cabra e uma esmerilhadeira, instrumento usado para cortar peças de aço, que seria utilizada no arrombamento dos caixas eletrônicos. 

Os outros integrantes da quadrilha conseguiram fugir, mas estão sendo procurados pela polícia. Informações de polícia dão conta de que mais dois maranhenses, que estão entre os que conseguiram fugir, fazem parte do bando.

As armas e os objetos apreendidos foram apresentados na delegacia de Capitão Poço para procedimento policial.

Fonte: Blog do Gilberto Lima