terça-feira, 1 de março de 2016

Operação prendeu 6 envolvidos no assassinato de presos

Suspeitos estavam presos no MA pela morte de empresário piauiense; foram mortos no PI

No detalhe, o empresário morto a facadas após uma confusão generalizada. A foto mostra o local onde a briga ocorreu
Seis pessoas foram presas no início da manhã desta terça-feira (1º/03) durante os trabalhos de uma operação deflagrada pela polícia civil do Piauí.

Além das prisões, a polícia conseguiu ainda apreender veículos e armas de fogo.

Os trabalhos da operação contaram com o apoio das delegacias de Miguel Alves, GPI e outras unidades, em parceria com a Superintendência do Interior e Delegacia de Buriti-MA.

As prisões foram efetuadas por força de mandados expedidos pela justiça. Outros 14 mandados de busca e apreensão foram cumpridos, visando a elucidação de sequestro e homicídio de dois presos que foram levados da delegacia de Buriti-MA, no início de fevereiro.

Os presos foram localizados em Buriti do Maranhão, Miguel Alves e Piracuruca.

Às 11h30 desta terça-feira será realizada entrevista coletiva, na sede da Delegacia Geral de Polícia Civil para detalhamento da ação à imprensa.

PRESOS RAPTADOS

Sabino Neto Cardoso dos Santos e Leonardo Vieira Silva estavam presos na delegacia de Buriti (MA), suspeitos de envolvimento no assassinato do empresário piauiense Kaleu Torres, que ocorreu na cidade maranhense durante uma festa de carnaval.

Os Os dois suspeitos encontrados mortos na zona rural de Miguel Alves. Mãos e pés das vítimas foram decepados

No final da tarde do dia 15 de fevereiro o corpo dos dois suspeitos foram encontrados em uma lagoa na zona Rural de Miguel Alves, depois dos dois terem sido levados da delegacia por um casal, que fingia a intenção de registrar um Boletim de Ocorrência.

Os corpos estavam com mãos e pés decepados.

MORTE DO EMPRESÁRIO

A morte do empresário piauiense Kaleu Torres, dono da rede Varejão do Povo, ocorreu no dia 9 de fevereiro, enquanto ele participava de um bloco de rua em Buriti-MA. Ele se envolveu em uma confusão, que teria começado quando, acidentalmente, o empresário teria derrubado uma garrafa de bebida onde estava um grupo de jovens. Logo começou uma briga generalizada.

Perseguido por alguns homens, Kaleu foi ferido por um profundo golpe de faca. Perdeu muito sangue e morreu ainda no local. Na mesma noite, dois suspeitos foram presos.

Publicado Por: Apoliana Oliveira/180Graus/Teresina