terça-feira, 26 de abril de 2016

FERNANDO BAIANO SOBRE CUNHA: “EU, PESSOALMENTE, ENTREGUEI R$ 4 MILHÕES”


Um dos principais lobistas do País, Fernando Baiano depôs hoje diante do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados e confirmou ter pago propina ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que foi o principal responsável pela condução do golpe parlamentar que pode afastar a presidente Dilma Rousseff e colocar no poder o vice-presidente Michel Temer; nesta manhã, na Bahia, a presidente Dilma Rousseff, explorou esse paradoxo: “quem me julga é corrupto”; apesar da tonelada de acusações contra si, Cunha vem conseguindo preservar seu mandato, embora tenha imposto rito sumário ao impeachment da presidente Dilma

247 – Um dos principais lobistas do País, Fernando Soares, conhecido como Fernando Baiano, confirmou ter feito pagamentos de propina em espécie ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). “Eu, pessoalmente, entreguei R$ 4 milhões”, disse ele, aos integrantes do Conselho de Ética.

Apesar de todas as evidências contra si, que incluem várias contas no exterior, Cunha vem conseguindo preservar o seu mandato. Como presidente da Câmara, ele foi o principal responsável pelo golpe parlamentar, que redundou na vergonhosa votação do último dia 17 de abril.

Nesta manhã, na Bahia, a presidente Dilma Rousseff, explorou esse paradoxo: “quem me julga é corrupto” (leia aqui).

Embora o procurador-geral da República Rodrigo Janot tenha pedido ao Supremo Tribunal Federal o afastamento de Cunha, o ministro Teori Zavascki ainda não colocou o caso em votação.