quinta-feira, 14 de abril de 2016

Governo abre seleção para coordenadores e alfabetizadores do Projeto “Sim, eu posso”



O Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), abrirá, de segunda-feira (18) até quarta-feira (20), as inscrições para o processo de seleção pública, destinado ao preenchimento do quadro de coordenadores de turmas e alfabetizadores do Projeto de Mobilização pela Alfabetização/Projeto Jornada de Alfabetização do Maranhão – “Sim, Eu Posso” – Círculo de Cultura.

Ao todo serão oferecidas 71 vagas para coordenadores de turmas e 702 para alfabetizadores, abrangendo os municípios de Aldeias Altas, Água Doce do Maranhão, Governador Newton Bello, Jenipapo dos Vieiras, Itaipava do Grajaú, Santana do Maranhão, São João do Carú e São Raimundo do Doca Bezerra.

O seletivo consistirá na avaliação de títulos e comprovação de experiência em Programas de Alfabetização de Jovens, Adultos e Idosos, realizado em etapa única.

As inscrições são gratuitas e serão realizadas no horário das 8h às 12h e das 14h às 18h, nos municípios e locais indicados no edital disponível no endereço eletrônico da Seduc (www.educacao.ma.gov.br).

O candidato deverá preencher e assinar a ficha de inscrição contida no edital e apresentar a cópia acompanhada de originais dos seguintes documentos: Cadastro de Pessoa Física (CPF); Carteira de Identidade; comprovante de residência; comprovante de escolaridade; diploma acompanhado de Histórico Escolar de Ensino Médio, diploma acompanhado de Histórico Escolar de Ensino Superior, ou Declaração (original) de Curso de Ensino Superior caso esteja em andamento; e comprovante de experiência docente e/ou Programas de Alfabetização (contracheque, contrato de trabalho ou declaração original atualizada).

Os candidatos classificados para as vagas oferecidas assinarão o Termo de Compromisso com a Jornada de Alfabetização, terão jornada de 20 horas semanais e receberão bolsas mensais.

A Jornada de Alfabetização integra a mobilização pela alfabetização dentro do Plano de Ações ‘Mais IDH’, instituído pelo governo Flávio Dino. O projeto acontece em regime de cooperação com o Movimento Sem Terra (MST), detentor do método de alfabetização ‘Sim, Eu Posso! – Círculo de Cultura’. O desenvolvimento da ação tem, ainda, parceria com a Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedhipop).

Inicialmente o projeto será desenvolvido em oito municípios, entre os 30 com menor IDH do estado e a meta é atender, nestes municípios, mais de 14 mil pessoas, com idade igual ou superior a 15 anos.

Fonte: Governo do Maranhão