domingo, 10 de abril de 2016

Presidente do Santander Brasil: golpe levará ao caos

rial


No Portal Vermelho

Presidente do Santander Brasil considera que ruptura levará ao caos

O presidente do Santander no Brasil, Sérgio Rial, afirmou em entrevista ao jornal Folha de São Paulo nesse domingo (10) que o Brasil em breve emergirá da crise. Para isso, o executivo de um dos maiores bancos privados que atuam no Brasil considera que é necessário manter a ordem democrática: “Não é a ruptura que vai levar a uma solução. Aliás, não há solução na ruptura. Só há o caos”.

Perguntado se a presidente Dilma Rousseff ainda tem condições de recuperar a confiança dos empresários e consumidores o presidente do Santander afirmou que sim. “Não há nenhum ponto tão baixo que não possa melhorar”.

Para o Rial, o pior da crise econômica já passou. “Acho que a atividade econômica tem tudo para voltar a melhorar a partir de agora. O setor privado já fez o seu ajuste”.

Também em relação ao desemprego, o presidente do banco é otimista: “o desemprego que a gente vê na rua é consequência do ajuste feito desde 2015”. Uma retomada econômica, inclusive na atividade industrial, seria a responsável por essa mudança.

Para Sérgio Rial, já há sinais dessa recuperação: “A indústria de calçados começa uma retomada e o setor têxtil pode voltar a ser forte, já que a importação da China ficou cara. O agronegócio vai bem”.

Esse cenário de recuperação, entretanto, seria rompido se houvesse uma ruptura democrática: “O governo que está aí foi eleito democraticamente. Isso é superimportante”.