domingo, 22 de maio de 2016

Requião apresenta fórmula para Dilma enterrar o impeachment no Senado


O senador Roberto Requião (PMDB-PR) apresentou neste domingo (22), pelo Twitter, uma fórmula para que a presidente eleita Dilma Rousseff (PT) consiga barrar o impeachment no Senado da República.

A primeira dica do peemedebista é singela: “Acabem com a tolice de ‘volta querida’. Os senadores nacionalistas [e] desenvolvimentistas esperam autocrítica e proposta séria para o país”.

Requião acredita que “Dilma pode voltar com autocrítica forte de seu governo e compromisso que mobilize os democratas nacionalistas e desenvolvimentistas do Senado”.

Para o senador, é preciso de compromisso da presidente eleita com a mudança na economia e com a política de desenvolvimento.

“Empenhamos nossa vontade e força contra impeachment. Precisamos de compromisso claro de mudança na economia e política de desenvolvimento”, disse Requião.

Ainda pelo Twitter, o peemedebista disse que “54 milhões votamos em um programa contra o entreguismo, o arrocho, a favor do desenvolvimento, dos direitos sociais”.

O Blog do Esmael também conversou com o senador Roberto Requião sobre a votação do impeachment no Senado. Segundo o parlamentar, Dilma precisar dar um motivo plausível para que os senadores a reconduza ao cargo.

“Ela não voltará para fazer o que estava fazendo na economia. Ou rompe com o antigo modelo ou terá o afastamento confirmado pelo Senado”, sentenciou.

O ex-presidente Lula, em entrevista à televisão venezuelana teleSUR, corrobora com a opinião de Requião. Segundo o petista, Dilma poderá voltar se fizer autocrítica dos erros na economia.

Blog do Esmael Moraes