quinta-feira, 14 de julho de 2016

PSB-MA DEFENDE A CANDIDATURA DE BIRA



Os movimentos sociais e os pré-candidatos a vereador de São Luís pelo PSB-MA divulgaram a íntegra do Manifesto em defesa do projeto político e do fortalecimento da sigla que, segundo diz o documento, perpassa pela candidatura do deputado Bira do Pindaré a prefeito da capital; “Neste entendimento e caminho percorrido, qualquer indicação de apoio a uma candidatura de outro partido, ainda que seja ele do campo democrático, não representará a força da nossa história nem carregará o peso que representamos para sociedade maranhense, e que não contribuirá para os avanços das conquistas que o PSB acumulou ao longo dos seus 30 anos de sua existência e atuação no cenário político de nosso estado”, destaca o Manifesto

Blog Marrapá - Os movimentos sociais e os pré-candidatos a vereador de São Luís pelo Partido Socialista Brasileiro no Maranhão (PSB/MA) divulgaram a íntegra do Manifesto em defesa do projeto político e do fortalecimento da sigla que, segundo diz o documento, perpassa pela candidatura do deputado Bira do Pindaré a prefeito da capital. Eles tentaram protocolar junto à sede da Comissão Provisória do PSB em São Luís, presidida pelo filho do senador Roberto Rocha, vereador Roberto Rocha Junior. Como não foi possível, divulgaram abertamente na manhã de hoje (14).

O PSB no Maranhão segue as orientações do Diretório Nacional do partido, que através de uma Resolução Política, publicada em 14 de outubro de 2015 determinou candidaturas próprias nas capitais e cidades polos de todos os estados na disputa do pleito de 2016. “Neste entendimento e caminho percorrido, qualquer indicação de apoio a uma candidatura de outro partido, ainda que seja ele do campo democrático, não representará a força da nossa história nem carregará o peso que representamos para sociedade maranhense, e que não contribuirá para os avanços das conquistas que o PSB acumulou ao longo dos seus 30 anos de sua existência e atuação no cenário político de nosso estado”, destaca o Manifesto.

Dentro da determinação, a militância afirma que buscou o seu melhor quadro para oferecer a São Luís um candidato com um perfil que nunca teve, segundo o deputado Domingos Paz, forjado nas lutas sociais e militante ativo do partido. Após ampla discussão interna, os movimentos sociais chegaram ao nome do deputado estadual Bira do Pindaré. “A candidatura do Bira, único estadual eleito pelo PSB no Maranhão, o segundo mais votado da oposição e também o segundo mais votado na capital, não é um projeto pessoal do deputado, nem de qualquer outro companheiro do PSB no Estado”, afirma o documento.

Na conclusão do documento, a militância defendeu novamente a necessidade do Congresso, espaço onde se decide o candidato e as alianças, e afirmou que Bira é fruto de uma construção coletiva, escolhido em referência a história de sua vida política, atuação e experiência como gestor público.

Leia a íntegra:

Pelo fortalecimento do Partido Socialista Brasileiro: em defesa da nossa história, com raízes na luta do povo, por uma candidatura própria com Bira prefeito.

O PSB do Maranhão foi fundado em 1987 tendo como bandeira de luta a libertação dos trabalhadores e trabalhadoras rurais, os pequenos produtores e produtoras do maranhão da chibata do latifúndio rural reacionário do estado, da profunda concentração da terra, e da negação de direitos dos menos favorecidos pelas políticas públicas vigentes e cerceamento das lideranças.

Nesta caminhada o Partido no Maranhão se consolidou. Elegendo os deputados estaduais, federais como constituintes que elaboraram a Constituição Federal de 1988 e a Constituição Estadual marco na historicidade do povo brasileiro. Tendo como foco as lutas do campo no maranhão, a reforma agrária, o direito das minorias e o acesso às políticas agrícolas em execução no país.

Reafirmando nosso espaço e lutas, elegemos em 1992 uma prefeita desta mesma capital, Conceição Andrade. Agregando todos os nossos ideais e batalhando na estratégia de fortalecer o partido.

Em 2006, ajudamos a eleger a maior liderança política de oposição ao grupo Sarney, o líder Dr. Jackson Lago, que infelizmente fora arrancado do governo pelos braços da referida oligarquia.

O PSB no maranhão tem história, atuação pública política comprovada em cada pleito eleitoral que vivenciou e continuará vivenciando. Após rupturas e sangramentos, ainda assim conseguimos consolidar nossa base popular realizando um grandioso e democrático Congresso Estadual do Partido Socialista Brasileiro. Fortalecendo nacionalmente as estruturas partidárias e realizando a consolidação da força dos segmentos organizados do PSB.

Com esse grandioso peso e responsabilidade com o povo, realizamos o I Encontro Estadual dos Segmentos Sociais do PSB, quando definimos os caminhos a percorrer para o pleito eleitoral de 2016. É neste momento que os movimentos sociais do PSB-MA destacam a importância de uma candidatura própria na capital, São Luís, na expectativa que se repetisse o que se deu em 2012: quando elegemos os prefeitos das maiores cidades do estado, ou seja, Timon, com o prefeito Luciano Leitoa, Santa Inês, com o prefeito Ribamar Alves, Caxias com o prefeito Leo Coutinho, São Mateus com o prefeito Miltinho, e o vice-prefeito da capital, São Luís, Roberto Rocha, entre outros.

Em resposta a estas lutas e defesas constantes dos anseios populares, expressamos nas últimas eleições municipais de 2012, representativo quadro, dos quais 15 prefeitos, 23 vices e 153 vereadores. Resultado da nossa atuação na política estadual, e fruto da organização do partido nos 217 municípios maranhenses. Nos credenciamos como protagonistas no processo eleitoral de 2014, na construção de uma candidatura que fizesse frente ao poder da oligarquia Sarney, que há 50 anos mandava no maranhão.

Contribuímos fortemente na consolidação do projeto das oposições do maranhão na construção da candidatura e eleição do governador Flávio Dino e pela primeira vez um partido do campo democrático e das esquerdas, o PSB com suas lideranças elegeu um o senador, o então candidato Roberto Rocha.

Em sintonia com o projeto político do PSB nacional, reforçamos a necessidade de candidaturas estratégicas nas principais cidades brasileiras, os Movimentos Sociais do partido unificaram um entendimento de que o fortalecimento do Partido no Maranhão passa por uma candidatura própria do partido na capital do estado, São Luís.

Neste entendimento e caminho percorrido, qualquer indicação de apoio a uma candidatura de outro partido, ainda que seja ele do campo democrático, não representará a força da nossa história nem carregará o peso que representamos para sociedade maranhense, e que não contribuirá para os avanços das conquistas que o PSB acumulou ao longo dos seus 30 anos de sua existência e atuação no cenário político de nosso estado.

Convictos que este fortalecimento partidário perpassa pelas bases do partido, reafirmamos a necessidade do Congresso convencional, disposto em nosso Estatuto como órgão deliberativo superior (dispostos nos Art. 15 e 16 do Estatuto do PSB). Para consolidar nossa luta e nos posicionarmos na sociedade, acreditamos no Congresso Municipal.

Para concluir, a candidatura do deputado Bira do Pindaré, único estadual eleito pelo PSB no Maranhão, o segundo mais votado da oposição e também o segundo mais votado na capital, não é um projeto pessoal do deputado, nem de qualquer outro companheiro do PSB no Estado. A opção por Bira é fruto da construção interna e coletiva do partido, escolhido em referência a história de sua vida política e de sua atuação e experiência como gestor público na Delegacia Regional do Trabalho como superintendente, na Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação quando transformou uma pasta secundária em uma Secretaria estratégica para o desenvolvimento do Maranhão, além dos dois mandatos no legislativo como deputado estadual eleito e reeleito pela sua atuação em favor dos menos favorecidos e lutas sociais.

Bira se legitima na politica maranhense como militante do Partido dos Trabalhadores (PT), onde disputou uma vaga no senado e obteve mais de meio milhão de votos se consagrando como a revelação daquele ano. Em porcentagem, o deputado teve naquele ano 40% de votos em São Luís. Saiu do PT respeitando a trajetória e honrando cada bandeira de luta do partido, em um momento que a sigla ocupava o auge do poder nacional. Ingressou ao PSB com humildade, participando de cada atividade como militante aguerrido e, em seguida, compôs o Diretório Estadual, sempre respeitando as orientações e decisões coletivas das diferentes instâncias e dirigentes partidários no Maranhão e no Brasil.

Portanto, por razões acima citadas, nós, militantes e filiados ao Partido Socialista Brasileiro, vimos a público mais uma vez consolidar o nosso projeto político para São Luís do Maranhão no pleito de 2016 com a candidatura do deputado Bira a prefeito da nossa capital.

Assinam este manifesto:

Movimento Sindical Socialista

Movimento de Mulheres Socialistas

Juventude Socialista Brasileira

Negritude Socialista

Movimento Popular Socialista

Pré-Candidatos a Vereador de São Luís Pelo PSB

Parlamentares Estaduais e Federais do PSB

Diretório Estadual do PSB