sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Trabalhadores de Tuntum aderem à paralisação nacional contra a PEC 241/55

Servidores públicos estaduais e municipais de Tuntum aderem a paralisação nacional, desta sexta-feira(11) contra a PEC 241/55
Várias categorias do servidor público de Tuntum(Estado/Município) aderiram, na manhã desta sexta-feira(11),  à paralisação nacional contra a PEC 241/55 que acaba com vários direitos dos trabalhadores e desmonta as políticas públicas nas áreas de saúde, educação, infraestrutura e programas sociais.
Servidores públicos estaduais e municipais de Tuntum aderem a paralisação nacional, desta sexta-feira(11) contra a PEC 241/55
A paralisação nacional, desta sexta-feira(11),  está sendo organizada pelas principais centrais sindicais e movimentos sociais em todo país como forma de pressionar os senadores para que não votem a PEC/55 do Senado Federal nos próximos dias.
Lideranças sindicais de Tuntum durante a paralisação nacional contra a PEC 241/55
Em Tuntum, a paralisação nacional está sendo coordenada pelo SINDSERT e Sindicato dos Agentes de Saúde do município que fizeram uma caminhada pelas principais ruas da cidade para denunciarem a perda de direitos trabalhistas e a redução de recursos públicos com a aprovação da PEC 241/55 nas áreas de saúde e educação, segundo o Tesoureiro do SINDSERT,  Professor Leno Carlos.

A nível nacional, a paralisação, desta sexta-feira(11), é um ensaio forte para a greve geral que já vem sendo montada há vários meses contra o Governo Temer e sua política de arrocho fiscal contra os trabalhadores e trabalhadoras do país.