quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

MARIO CESAR CARVALHO: COM MORTE DE TEORI, POLÍTICOS PODEM ESCAPAR


Principal repórter da Folha de S.Paulo, o jornalista Mario Cesar Carvalho faz uma análise precisa e afirma que "há o risco de que um ministro do Supremo que não seja imparcial como Teori imprima um nova ritmo às investigações dos políticos, com o resultado de sempre: a ação prescreve e o político escapa ileso"

247 - Principal repórter da Folha de S.Paulo, o jornalista Mario Cesar Carvalho faz uma análise precisa sobre o futuro da Operação Lava Jato com a morte do ministro Teori Zavascki, que era relator da investigação no Supremo Tribunal Federal.

O jornalista avalia que "há o risco de que um ministro do Supremo que não seja imparcial como Teori imprima um nova ritmo às investigações dos políticos, com o resultado de sempre: a ação prescreve e o político escapa ileso".

"Seria o pior fim que a Lava Jato poderia ter: punir os empreiteiros e deixar os políticos, que mandavam no jogo, escapar", escreve. Leia aqui sua reportagem.