segunda-feira, 1 de maio de 2017

Só mais uma lembrança - Por João Batista Rodrigues De Andrade


Resultado de imagem para flores de maio nas janelas
Nas primeiras horas da manhã de hoje volvi-me às lembranças de minha cidade doce, ou como dizia José do Cateruba, “Tuntunzinho de Açúcar”, é que sendo Primeiro de Maio, lembrei-me com afeto das casas enfeitadas com flores às janelas e nas frestas das casas de taipas e também das casas de palha de coco, com o colorido de flores silvestres, das primeiras ventanias do Mês de Maria e por consequência, do mês em que soltávamos papagaios (pipas). 

A celebração desse costume se deve, a meu ver, aos portugueses da zona rural, trazido para o Brasil por onde ficou até a década de 1960, ao menos, pelo que me lembro. Hoje já não se vê isso. Uma pena, porque o progresso consegue extirpar sentimentos e afeições culturais ao longo da história da humanidade. 

Eu, contudo, fiz isso hoje: pus três vasos com flores nas janelas de minha casa, sim, porque isso é só mais uma lembrança de minha Tuntum de Açúcar.