segunda-feira, 12 de junho de 2017

Governo realiza procedimento de implante de marcapasso transvenoso no Hospital Macrorregional de Presidente Dutra

Com a aquisição de um aparelho marcapasso cardíaco provisório, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), oferece à população da região de Presidente Dutra um procedimento considerado essencial para o atendimento de pacientes com complicações cardíacas. 

O implante de marcapasso transvenoso, procedimento de suporte avançado à vida, é a única terapêutica aplicável em algumas arritmias ou complicações do infarto. O implante foi realizado pela primeira vez, na última semana, no Hospital Macrorregional de Urgência e Emergência de Presidente Dutra. 

O aparelho, que é externo, é implantado no paciente e permanece com ele até que o procedimento específico indicado seja realizado. Após a extração do aparelho, o mesmo retorna para o Hospital Macrorregional de Urgência e Emergência de Presidente Dutra. De acordo com o médico cardiologista responsável pela cirurgia, Victor Castro, o procedimento atenderá principalmente pacientes idosos.

“É uma cirurgia extremamente necessária para idosos, essa será nossa maior demanda. O que o aparelho faz é substituir as fibras elétricas do coração, que no caso dos idosos já estão muito desgastadas, prolongando o tempo de vida desse paciente até que ele esteja preparado para um procedimento mais específico”, explicou o cardiologista. 

A indicação do implante para o paciente Mario Zeni, que segue em preparação para a cirurgia de implante de marcapasso permanente, foi realizada após o paciente dá entrada no hospital com um quadro de bloqueio átrio ventricular total (BAVT) e batimentos cardíacos de 30bpm. Imediatamente, a equipe de cardiologia iniciou o procedimento, levando a melhora significativa do quadro e estabilizando os batimentos para 80bpm. 

A diretora do Hospital de Presidente Dutra, Daniela Jadão, explica que o procedimento é importante por possibilitar que a transferência dos pacientes para unidades avançadas de saúde seja realizada com maior segurança. “Ganhamos tempo para a regulação desse paciente e podemos fazer a transferência de forma mais segura. Com certeza, o equipamento vai permitir que salvemos muitas vidas”, afirmou Daniela. 

O Hospital Macrorregional de Presidente Dutra atende a pacientes de 17 municípios da regional. Com 100 leitos de internação, a unidade presta Serviço de Pronto Atendimento (SPA) em Clínica Médica, Clínica Pediátrica, Clínica Cirúrgica, Clínica Ortopédica, Cirurgia Cabeça e Pescoço, Cirurgia Neurológica, Endoscopia e Gastroenterologia. A unidade realiza internação hospitalar em Clínica Ortopédica, Clínica Cirúrgica Pediátrica, Clínica Médica, Nefrologia e UTI. E ainda, Serviços de Apoio Diagnóstico e Terapêutico (SADT) em Análises Clínicas, Raios X, Ultrassonografia, e Tomografia Computadorizada.

Governo do Maranhão