• DIVULGUE COM A GENTE E APAREÇA • batetuntum@gmail.com •

sábado, 24 de junho de 2017

LÍDER DO GOVERNO LIBERA BANCADA PARA ASSINAR CPI DA SAÚDE

:
Blog Jorge Vieira - Embora tenha se manifestado contra a proposta, o líder da bancada do Governo Flávio Dino (PCdoB) na Assembleia Legislativa, deputado Rogério Cafeteira (PSB), decidiu liberar a bancada para assinar o requerimento que cria a Comissão Parlamentar de Inquérito que pretende investigar supostas irregularidades na saúde pública do Maranhão.

“Todos os parlamentares estão livres para se manifestarem de acordo com suas convicções. Não temos nada a temer, até porque as irregularidades foram constatadas dentro do IDAC – Instituto de Desenvolvimento e Apoio a Cidadania – não estando envolvido nenhum servidor da Secretaria de Saúde do Estado”, observou Cafeteira.

A iniciativa do parlamentar teve como primeira consequência a declaração do deputado Bira do Pindaré, que se manifestou a favor da criação da CPI. O parlamentar (ainda no PSB) disse está inteiramente à disposição, embora tenha muitas dúvidas sobre a capacidade da Comissão produzir mais resultados que a Polícia Federal já conseguiu sobre desvio de dinheiro público.

Segundo comentam nos bastidores da Assembleia Legislativa, o principal empecilho para a formação da CPI é o autor do requerimento, deputado Wellington do Curso, um parlamentar espalhafatoso que se intromete em tudo, sem conhecimento da causa, apenas pelo desejo de aparecer, já que suas intervenções no plenário são pífias e poucos dão importância aos seus pronunciamentos lunáticos.

O mais curioso nesta proposta de CPI é que, enquanto os parlamentares governistas querem a investigação, embora vejam com desconfiança a verdadeira intenção do autor do requerimento, a oposição liderada por Andréa Murad (PMDB), Sousa Neto (PROS) e Adriano Sarney está caladinha. Os dois primeiros, por exemplo, são acusados de terem se beneficiado com doações de empresas envolvidas nos escândalos de corrupção na gestão da dupla Roseana Sarney/Ricardo Murad, este último apontado pela Polícia Federal como o chefe da quadrilha que desviou R$ 1 bilhão da saúde pública do Estado.
Compartilhe:

Copyright © | Direção: Jornalista Emerson Araújo | Bate Tuntum | Suport/ 99 98271-8514