segunda-feira, 6 de novembro de 2017

O melancólico lançamento da “candidatura Roseana”

Marrapá - A quatro vezes ex-governadora Roseana Sarney saiu finalmente do armário e publicizou seu desejo de concorrer a um quinto mandato à frente do Governo do Maranhão. O anúncio, que era esperado por todos os grupos da classe política maranhense, não surpreendeu. O que pegou a todos de surpresa foi a forma.

Aliados da ex-governadora afirmavam desde o primeiro semestre que trariam o presidente Temer ao Maranhão. Na última forma, ele faria pessoalmente o lançamento da candidatura de Roseana, ao lado do presidente do PMDB, senador Romero Jucá, e de aliados como o senador Lobão.

Outra versão que circulou é que a ex-governadora iria fazer um evento grande, com aliados e prefeitos, com uma foto que demonstrasse a força de seu grupo político. O evento seria mais vistoso que a miada festa de lançamento ao Senado de seu irmão Sarney Filho.
Para surpresa geral, nem Temer, nem festa política. O tão esperado anúncio veio de forma quase secreta.

Roseana Sarney fez o anúncio do seu escritório no Grupo Mirante, a empresa da família que controla o sistema de comunicação em que tem pautado diariamente ataques ao governo este ano. Em vez de festa com aliados, Roseana optou por uma “exclusiva” para seus próprios veículos. Num tom melancólico que talvez simbolize o isolamento atual do grupo que comandou o estado por 50 anos.