domingo, 5 de novembro de 2017

O que é o certo?

O que é o certo?

Leia: Isaías 1:11-18

…cessai de fazer o mal. Aprendei a fazer o bem; atendei à justiça, repreendei ao opressor… vv.16,17


Quando meu computador saudou-me, certa manhã, com a assim chamada “tela azul da morte”, eu sabia que algo estava estragado, mas não sabia como consertar. Li um pouco, tentei algumas coisas mas, por fim, tive que chamar um técnico. Saber que algo estava errado era só uma pequena parte do problema; eu não consegui consertá-lo porque não sabia lidar com aquilo e fazer a coisa certa.

Essa experiência difícil lembrou-me dos muitos peritos que aparecem nos noticiários de televisão. Todos eles são “especialistas” para proclamar o que é errado, mas a maioria deles não têm a mínima ideia do que é certo.

Isso também acontece nos relacionamentos. Nas famílias, igrejas e lugares de trabalho, nada é consertado, porque nos fixamos no que está errado. Não é necessário um perito para saber que algo está errado quando as pessoas fofocam e ferem umas as outras com palavras e maus comportamentos. Contudo, é necessário um perito para saber como resolver o problema.

Deus revelou aos profetas de Israel não somente o que estava errado, mas também o que estava certo: “…cessai de fazer o mal. Aprendei a fazer o bem; atendei à justiça, repreendei ao opressor; defendei o direito do órfão, pleiteai a causa das viúvas” (Isaías 1:16,17).

Em vez de nos concentrarmos no que está errado, vamos obedecer Àquele que sabe o que é certo.

Como uma bússola, a Bíblia sempre aponta para a direção certa.

Pão Diário