sábado, 4 de novembro de 2017

Padrasto foi preso após pegar carona em van com policiais

Portal Guará – Robert Serejo, padrasto e principal suspeito da morte de Alanna Ludmila, de 10 anos, crime ocorrido na última quarta-feira (01), foi preso no início da tarde de hoje (04), após pegar uma van na região do Maracanã em que estavam dois policias militares que o reconheceram.

De acordo com o sargento César do 6ª Batalhão, ele e outro policial, sargento Burgos do 13ª, alugaram uma van para levar uma equipe de futebol até Pirapemas. Como o carro não ficou lotado o grupo permitiu que o motorista pegasse outros passageiros no caminho.

Em determinado no ponto, Roberth pegou a van e a dupla de policiais fez o reconhecimento visual na hora. Os militares esperaram a condução chegar até a barreira da Estiva quando deram voz de prisão.

Roberth estava apenas com a roupa do corpo, uma sacola coma poucos mantimentos e cerca de R$ 150 no bolso.

O suspeito foi conduzido até a Delegacia de Homicídios no Centro.