Tragédia anunciada

Estive, pela primeira vez, neste sábado(14), na área mais atingida pela enchente do Riacho Tuntum,  na última terça-feira(10), o Residencial Ana Isabel no centro da cidade e pude constatar os dramas  e desesperos das famílias que residiam ali, ou seja,   aproximadamente 400(quatrocentas) casas, abrigando em torno de quase 1.500(hum mil e quinhentos) moradores, sempre correndo riscos de alagamentos por conta desta aproximação com o pequeno rio e por não ter recebido, ao longo dos anos,  obras de infraestrutura para contenção da força da água no período de inverno.
Segundo a maioria moradores na área atingida há um clima de desânimo para continuarem residindo no residencial com medo de mais tragédias anunciadas do Riacho de Tuntum no residencial Ana Isabel.

Exemplo de solidariedade

Mesmo com a tragédia,  desta terça-feira(10), há exemplos de solidariedade de pessoas e instituições que emocionam como é caso dos membros da 3ª Igreja Cristã Evangélica de Tuntum que foi atingida em cheio pela enchente  do Riacho Tuntum e que, agora, depois de baixarem as águas disponibilizaram  o seu salão de culto para receberem ajuda para a população desabrigada do residencial Ana Isabel.

Um símbolo da enchente de Tuntum


A moradora Aparecida do Residencial Ana Isabel se tornou símbolo da enchente, desta terça-feira(10), em Tuntum ao ter sua imagem veiculada nas redes sociais e noticiários nacionais de joelhos procurando seus pertences nos entulhos do que sobrou da sua residência atingida.

Lama, lixo e destruição(as imagens deste sábado, 14 )

Posted in  on 17:00:00 by Blog Bate Tuntum |