MARACANÃ VIRA CAMPO DE GUERRA NA FINAL ENTRE VASCO E FLUMINENSE

O entorno do Maracanã virou um campo de guerra na tarde deste domingo 17, data da final entre Vasco e Fluminense da Taça Guanabara. Torcedores e policiais entram em confronto na parte externa do estádio, onde há crianças e idosos entre os torcedores, atingidos por bombas e gás de fumaça.

A confusão começou após a determinação da Justiça de que a final seria com portões fechados, para tentar evitar briga entre os torcedores. Duas horas antes da partida, que começaria às 17h, o Vasco decidiu assumir o risco de ter de pagar uma multa de R$ 500 mil e informou que agiria contra a decisão judicial, deixando os portões abertos. Os torcedores foram até o local e encontraram, no entanto, o estádio fechado.

O imbróglio começou com a disputa entre os dois clubes pelo direito de alocar seus torcedores no setor sul do estádio. O Vasco, definido como mandante por sorteio, havia mantido as vendas para o setor sul à sua apesar da decisão liminar judicial favorável ao adversário. Irritado, o presidente Tricolor convocou os torcedores da equipe para "guerra", a fim de comparecer ao estádio mesmo no setor norte.

br 247
Posted in  on 22:05:00 by Blog Bate Tuntum |