Polícia do Maranhão desmonta esquema de compra de votos em Formosa da Serra Negra do candidato da oposição

Deurivan, o comprador de votos preso e o candidato da oposição Cirineu Costa
 

Na noite de ontem, 13/11/2020, a polícia militar, em conjunto com a polícia civil, prendeu em flagrante o elemento Deurivan Andrade Santos pelo crime de compra de votos.

A prisão ocorreu nas dependências de um posto de combustíveis do centro da  cidade de Formosa da Serra Negra.

O crime consistia em comprar documentos dos eleitores que supostamente iriam votar no candidato Janes Clei para que os mesmos não fossem votar, favorecendo o candidato adversário Cirineu Costa. Ao ser preso, num primeiro momento o elemento negou as acusações e escondeu o dinheiro e os documentos, mas quando a polícia encontrou o material escondido atrás de um armário, a casa caiu e o preso confessou tudo e entregou o esquema. Sabe-se que ele era apenas um de muitos elementos que estão espalhados pelo município fazendo o mesmo, comprando documentos de eleitores do Janes Clei. 

Nota de Esclarecimento do Posto onde Deurivan, preso por compara de votos, foi preso nesta sexta(13)


Sua confissão bateu com as denúncias feitas à polícia durante todo o dia de ontem, ou seja, que tem um verdadeiro esquema criminoso atuando dessa forma em  Formosa.

Sabe-se que um fazendeiro da cidade, parente do preso, está financiando o esquema de compra de votos, na intenção de receber em troca a residência de um dos candidato. Partiria desse fazendeiro boa parte do dinheiro usado no esquema criminoso.

A polícia tem informações seguras também de que o maior hotel da cidade está sendo usado como depósito de documentos comprados e aguarda apenas uma ordem judicial de busca e apreensão para revistar este e outros locais da cidade apontados como depósitos de documentos comprados com essa finalidade.

Na delegacia, os presos foram defendidos pelos advogados da coligação do candidato Cirineu Costa, candidato este que mandou pagar a fiança e dar proteção para os acusados, temendo a entrega total do jogo criminoso

Com a chegada de reforço policial no dia de hoje, a expectativa é que possam ser apuradas todas as denúncias que estão chegando, muitas delas de pessoas que venderam seus documentos e se arrependeram e que agora estão apontando quem comprou, onde entregou os documentos.  Essa prática criminosa é antiga em Formosa da Serra Negra. Em 2016 ocorreram várias prisões pelas mesmas práticas e coincidentemente também nas proximidades de um posto de combustível, daquela vez um posto das da praça Zuza Pires, naquela cidade. Mesmo com essas práticas criminosas o atual prefeito e que também era vítima em 2016 conseguiu se eleger.   

Disparado na frente nas intenções de votos, a tendência é que dessa vez aconteça o mesmo e o atual prefeito se reeleja  com facilidade.

on 09:50:00 by Blog Bate Tuntum |