Maranhão suspende eventos para lutar contra o coronavírus e não virar o Amazonas

 
Marrapá - O Maranhão não pode virar um novo Amazonas, onde a pandemia de coronavírus saiu de controle. Com esse objetivo em mente, o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, anunciou nesta segunda-feira (25) a suspensão dos eventos de até 150 pessoas no Maranhão.

A medida, que vale inicialmente durante 14 dias, é para evitar a disseminação maior do coronavírus. Nos últimos dias, tem crescido o número de internações por causa da Covid-19.

“A partir de amanhã, não estão mais permitidos aniversários, festas, casamentos, batizado, aqueles eventos de até 150 pessoas”, disse Lula.

O risco para todos os estados brasileiros é que não haja leitos suficientes para atender os pacientes. E que ocorra uma série de mortes por falta de assistência, como houve no Amazonas.

Por isso, o Maranhão já tinha suspendido os eventos do Carnaval deste ano. E agora vem a medida sobre os eventos de até 150 pessoas.

Os eventos com mais de 150 pessoas já estavam suspensos. Agora, a medida é mais restritiva por causa do aumento de casos da doença. Daqui a 14 dias, será decidido se os eventos retornam ou seguem suspensos.

on 15:00:00 by Blog Bate Tuntum |